As competências necessárias para a atuação do secretário executivo em consultórios médicos: um estudo no município de Passo Fundo, RS

  • Thais Liandre Sbeghen
  • Caroline de Fátima Matiello Vaz Universidade de Passo Fundo
Palavras-chave: Competências. Consultório médico. Secretário executivo.

Resumo

O presente estudo tem como objetivo identificar as competências necessárias para a atuação do secretário executivo em consultórios médicos, colaborando com a área por meio da produção de conhecimentos, a fim de qualificar o exercício da profissão secretarial. Como objetivos específicos, buscam-se descrever as competências secretariais e relacioná-las às exigências para atuação em consultórios médicos, para, então, identificar as contribuições da formação em Secretariado Executivo à atuação nesse segmento. Para dar conta do tema, realizou-se uma pesquisa exploratória e descritiva, de cunho bibliográfico e documental, seguida de um levantamento. A análise e a interpretação dos dados basearam-se na análise de conteúdo. Constatou-se, a partir dos dados obtidos, que a formação em secretariado qualifica e potencializa os secretários para atuarem em consultórios médicos. Além disso, verificou-se que as competências secretariais têm relação direta com as competências necessárias à atuação do secretário executivo em consultórios médicos. Essas competências estão voltadas para a liderança, a proatividade, a gestão do tempo, a gestão do consultório, a ética, o relacionamento interpessoal, a empatia, a inovação, o atendimento ao cliente e a honestidade.

Biografia do Autor

Caroline de Fátima Matiello Vaz, Universidade de Passo Fundo
Mestre em Educação (UPF). Especialista em Assessoria Executiva (UPF). Graduada em Secretariado Executivo Bilíngue (UPF). Professora do curso de Secretariado Executivo na UPF.
Publicado
2018-08-13
Como Citar
Sbeghen, T., & Vaz, C. (2018). As competências necessárias para a atuação do secretário executivo em consultórios médicos: um estudo no município de Passo Fundo, RS. Secretariado Executivo Em Revist@, 14, 16-27. https://doi.org/10.5335/ser.v14i0.8489
Seção
Artigos