Tradução/versão de documentos: atividade do secretário executivo no eixo da assessorística

  • Rosimeri dos Santos Miranda Universidade de Passo Fundo
  • Raimundo Nonato Junior
Palavras-chave: Assessoria, Secretariado Executivo, Tradução

Resumo

Este artigo tem como objetivo geral mostrar a relação da atividade de tradução/versão de documentos com um dos quatro eixos da ciência da assessoria, a qual se encaixa na assessorística (assessoria intelectual). Como objetivos específicos tem-se: analisar de que forma a tradução está inserida na rotina secretarial e verificar quais técnicas são utilizadas e quais deveriam ser mais focadas na formação do profissional. A metodologia aplicada neste estudo foi a pesquisa qualitativa com a aplicação de questionários a profissionais de Secretariado Executivo da região norte do Rio Grande do Sul. Esta pesquisa justifica-se pelo fato deste tema ser pouco abordado em pesquisas realizadas no âmbito secretarial. A partir dos resultados, percebe-se a existência da relação da atividade do Secretário Executivo com um dos eixos da ciência da assessoria, como também há a demanda desta atividade nas organizações e como esse trabalho pode ser aprimorado desde a formação destes profissionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rosimeri dos Santos Miranda, Universidade de Passo Fundo
Graduada em Secretariado Executivo e Especialista em Assessoria Executiva pela Universidade de Passo Fundo
Raimundo Nonato Junior
Doutor em Geografia pela Université Sorbonne Nouvelle. Doutor em Educação e Bacharel em Secretariado Executivo pela Universidade Federal do Ceará
Publicado
2019-04-08
Como Citar
Miranda, R., & Junior, R. (2019). Tradução/versão de documentos: atividade do secretário executivo no eixo da assessorística. Secretariado Executivo Em Revist@, 15(1), 77-91. https://doi.org/10.5335/ser.v15i1.8456
Seção
Artigos