Secretários-docentes: sujeitos fundamentais à consolidação da docência secretarial

Cibelle da Silva Santiago, Willyane Freire da Silva

Resumo


As mudanças de paradigmas requeridas no mundo do trabalho devem ser acompanhadas pela construção do conhecimento do profissional no âmbito acadêmico, ou seja, uma formação profissional, contextualizada e atualizada. Nessa perspectiva, compreende-se que o formador seja dotado de uma experiência e do conhecimento da área em que atua. Todavia, a realidade observada em algumas Instituições de ensino têm sido diferente. Identificam- se docentes que não têm formação em Secretariado Executivo à frente de disciplinas do curso seja pela utilização de professores de diferentes áreas, pela pouca demanda de profissionais interessados na docência ou até mesmo de oportunidades de vagas. Desse modo, este estudo objetivou identificar as estratégias utilizadas pelos secretários-docentes para ampliar a docência secretarial. O método utilizado foi a pesquisa bibliográfica com abordagem qualitativa. O estudo de caso foi na Universidade Federal de Pernambuco, a partir da identificação de 5 (cinco) secretários-docentes, os quais são os sujeitos dessa pesquisa. Observou-se, portanto, que os secretários-docentes possuem o desejo de compartilhar e enriquecer as competências de secretariado, correlacionando o conteúdo das disciplinas às experiências vivenciadas entre docentes e discentes, assim como formar novos profissionais de Secretariado e, certamente, secretários-docentes.

Palavras-chave


Docência. Formação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5335/ser.v13i0.8099