DEBÊNTURES

UM INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS NO MERCADO DE CAPITAIS BRASILEIRO

  • Kleber Avila Ribeiro Universidade do Estado da Bahia - UNEB
  • Jair Sampaio Soares Júnior Universidade Federal da Bahia - UFBA
  • Uine Ingrid de Oliveira Costa Universidade do Estado da Bahia - UNEB
Palavras-chave: Debêntures; Mercado de capitais; BNDES; ICVM 476/09;

Resumo

Este artigo tem por objetivo mostrar como as debêntures podem cooperar para o financiamento de médio e longo prazo no momento de recessão econômica no Brasil, expondo a evolução e o alcance desse ativo dentro do mercado de crédito brasileiro. Em seguida, foram externados os impactos e contribuição da Instrução 476/09 da Comissão de Valores Mobiliários (ICVM 476/09). O trabalho procurou trazer uma alusão à lei Federal 12.431/11 que trata das “Debêntures Incentivadas”, e as medidas que o governo junto ao BNDES tem implementado para o desenvolvimento de infraestrutura do país através da participação privada, e quão isso tem repercutido positivamente no mercado de capitais. Por fim, a partir da apreciação dos dados foi visto que o mercado está em crescimento gradativo com relação a outras opções de investimento e que vem se tornando uma alternativa promissora no âmbito da captação de recursos e no financiamento do capital de giro.    Palavras-chave: Debêntures; Mercado de capitais; BNDES;  ICVM 476/09;

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kleber Avila Ribeiro, Universidade do Estado da Bahia - UNEB
Economista, especialista em docência do ensino superior, MBA em Gestão de Cooperativas e Mestrando em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social. Professor auxiliar vinculado ao Colegiado de Direito da Universidade do Estado da Bahia - UNEB
Jair Sampaio Soares Júnior, Universidade Federal da Bahia - UFBA
Professor Adjunto da Universidade Federal da Bahia, Doutor (2010) e Mestre (2004) em Administração pela Universidade Federal da Bahia, consultor ad-hoc do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, professor da Universidade Católica do Salvador e Estatístico da Universidade Federal da Bahia
Uine Ingrid de Oliveira Costa, Universidade do Estado da Bahia - UNEB
Graduada em Ciências Contábeis pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB
Publicado
2021-02-09
Como Citar
Ribeiro, K., Soares Júnior, J., & Costa, U. I. (2021). DEBÊNTURES. Revista Teoria E Evidência Econômica, 25(52), 88-108. https://doi.org/10.5335/rtee.v25i52.10246