A RELAÇÃO ENTRE PRODUTIVIDADE E FINANCEIRIZAÇÃO NO REINO UNIDO

  • Thais Andreia Araujo de Souza UFRGS
Palavras-chave: Canal Financeiro, Capital Produtivo, Estado de bem estar social

Resumo

O objetivo deste trabalho é relacionar o desempenho da produtividade do trabalho no Reino Unido com as políticas de cunho neoliberal, mais precisamente a financeirização, com o intuito de verificar se o lado produtivo da economia se tornou mais eficiente com a maior liberalização financeira, conforme defendido pela teoria neoliberal. Ao se verificar empiricamente esta hipótese foi constatado que a partir da década de 1980, em que houve maior liberalização financeira no país, o lado produtivo passou a ter desempenho inferior ao observado anteriormente, enquanto o lado especulativo passou a apresentar montante crescente no país. Assim, o que se verificou dessa observação foi que no Reino Unido houve consequências negativas no lado produtivo por causa do aumento da atividade especulativa, contrariando o que afirmava a teoria neoliberal.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-02-09
Como Citar
Souza, T. (2021). A RELAÇÃO ENTRE PRODUTIVIDADE E FINANCEIRIZAÇÃO NO REINO UNIDO. Revista Teoria E Evidência Econômica, 25(52), 109-127. https://doi.org/10.5335/rtee.v25i52.10243