ANÁLISE DO EFEITO DE TAMANHO EM ESTRUTURAS DE CONCRETO VIA MODELOS DE DANO NÃO LOCAL

Pedro Lúcio Ferreira Brasil de Souza, Samuel Silva Penna, Roque Luiz da Silva Pitangueira, Rodrigo Guerra Peixoto

Resumo


Modelos constitutivos baseados em dano ortotrópico são amplamente utilizados para simular o comportamento fisicamente não linear de estruturas de concreto. Contudo, a ocorrência do fenômeno de localização de deformações numericamente induzida pode conduzir a análise a resultados não representativos. Tais fenômenos, surgem devido à dependência de malha inerente à modelos numéricos e podem ser tratados a partir de mecanismos de regularização como os modelos não locais. Nestes modelos, o cálculo de uma grandeza pré-determinada passa a depender também de sua vizinhança, assim, problemas numéricos associados a um ponto em específico, são atenuados, ou até eliminados, ao se considerar o domínio de influência. Neste trabalho, um modelo de dano ortotrópico não local será utilizado para a modelagem de um problema de flexão em três pontos com efeito de tamanho. No modelo adotado a variável histórica será tratada como o parâmetro não local, pois apresenta caráter crescente ao longo de toda a análise. Por fim, os resultados obtidos com a modelagem não local serão confrontados com resultados experimentais sendo avaliado também o desempenho do modelo para leis de dano lineares, polinomiais e exponenciais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5335/rsaee.v14i1.6489