Influência das Atividades Humanas Rítmicas sobre a Resposta Dinâmica de Pisos Mistos (Aço-Concreto)

  • J. K. Loose
  • Walnorio Graça Ferreira
  • José G.S. da Silva

Resumo

Pontes suspensas, tanto pênseis quanto estaiadas, tornaram-se mais propensas aos problemas de estabilidade, sendo o vento um fator determinante nas condições de estabilidade destas estruturas. A forma da seção transversal tem caráter decisivo na determinação dos parâmetros de projeto e, por esta razão, o estudo da ação do vento e sua interação com a ponte devem ser levados em conta na fase de projeto. Este trabalho relata o estudo da influência da forma da seção transversal de pontes frente à instabilidade dinâmica do tipo drapejamento (“flutter”), através da disponibilização de um novo procedimento experimental-numérico. As respostas dinâmicas foram determinadas através de ensaios de cinco modelos seccionais de tabuleiros de pontes em túnel de vento e pela técnica de identificação de sistemas, obtendo-se as velocidades críticas do vento e os parâmetros do sistema tais como freqüências e amortecimentos (derivativos aerodinâmicos), sendo que a técnica de identificação fundamentou-se nos métodos do “Random Decrement” (RD) e dos mínimos quadrados não-linear (Nonlinear Least Squares, NLS).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-01-06
Seção
Artigos