Vanguarda Popular Revolucionária: massas, foquismo e repressão

  • Carla Luciana Silva
Palavras-chave: Foquismo, Luta armada, VPR

Resumo

O objetivo deste texto é compreender a luta armada como uma opção mediante conflitos teóricos e históricos que estavam colocados aos grupos que propunham uma resistência à Ditadura. Analisamos o investimento realizado pela Vanguarda Popular Revolucionária no sentido de organizar ações de massas junto ao movimento operário, em 1968. Buscamos mostrar que os grupos de luta armada empreenderam tempo e disposição em realizar o debate teórico e político sobre as formas da luta enquanto puderam realiza-lo. Na medida em que a repressão se especializava e tornava mais ampla sua ação, esses debates se perderam e a ação dos grupos passou a ser eminentemente defensiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Luciana Silva
Doutora em História pela Universidade Federal Fluminense. Pós doutora pela Universidade Nova de Lisboa. E-mail: carlalusi@gmail.com
Publicado
2019-09-03
Como Citar
Silva, C. (2019). Vanguarda Popular Revolucionária: massas, foquismo e repressão. Revista História: Debates E Tendências, 3(19), 494-512. https://doi.org/10.5335/hdtv.3n.19.9870