Quilombos em Minas Gerais: a titulação em terras de interesse transnacional

  • Claudelir Correa Clemente Universidade Federal de Uberlândia em Minas Gerais, Brasil
Palavras-chave: História

Resumo

Pretende-se analisar quais os pilares culturais e as estratégias que fortalecem vínculos sociais comunitários e dotam de poder de argumentação e negociação a Associação dos Remanescentes dos Quilombos das Famílias Teodoro de Oliveira e Ventura (ARQTOV). Essa associação luta pelo título de suas terras e está exposta à crescente especulação mercantil de seus territórios situados na mesorregião do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. A mesorregião em questão é rica em terras raras e portadora de fontes de metais como o nióbio, sendo alvo da cobiça agrária e de processos de estrangeirização de terras que atraem mineradoras transnacionais. A perspectiva analítica é antropológica e assentar-se-á na atual concepção de quilombo, na etnografia das experiências sociais locais, em dados jornalísticos e nas análises sobre processos de estrangeirização da terra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARTH, Fredrik. Introduction. In: F.Barth (ed.), Ethnic Groups and Boundaries: The social organization of culture difference. Bergen/London, Universitets Forlaget/George Allen & Unwin, p.9-38. 1969

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988. 292 p.

BRASIL(2003), Presidência da República. Decreto 4887/03. Disponível em: Acesso em 10/09/2018

BORRAS, Saturnino Jr.; FRANCO, Jennifer; PLOEG, Jan D. van der. Introduction: land concentration, land grabbing and people’s struggle in Europe. In: FRANCO, Jennifer e

BORRAS, Saturnino Jr. (Eds.). Land concentration, land grabbing and people’s struggle in Europe. Amsterdam, Transnational Institute (TNI) e Via Campesina, junho de 2013, p. 6-30.

BRASILEIRO, Jeremias. Rei Ambrósio de Minas Gerais e o ofuscamento da história e da memória de um líder quilombola. Temporalidades – Revista de História, Edição 25, V. 9, N. 3 (set./dez. 2017)

CARNEIRO DA CUNHA, Manuela. Etnicidade : da cultura, residual mas irredutível , Revista de Cultura e Politica (São Paulo, CEDEC), I (1), 1979

CASTILHO, Araripe . Terras-raras fazem Araxá ser cobiçada pelas mineradoras. Folha de São Paulo, São Paulo, 19 ago 2012. Mercado.
Cedefes (2017) Centro de Documentação Eloy Ferreira da Silva. Comunidade quilombola mineira de Serra do Salitre tem território delimitado. Disponível em < https://www.cedefes.org.br/comunidade-quilombola-mineira-de-serra-do-salitre-tem-territorio-delimitado/.> Acesso em 25/01/2020.

DESHAIES, Michel. Grands projets d`exploitation minière et stratégie des firmes pour se rendre environnementalement acceptables. Revista L´Espace Politique. Vol. 15 n.3, 2011.

DIVINO, Fabiano. Serra do Salitre, MG: Quilombolas, estiveram na Procuradoria da Republica para denunciar os vários bens que estão na área quilombola que estão sendo destruídos. Disponível em: < http://avozdopovo.org/serra-do-salitre-mg-quilombolas-estiveram-na-procuradoria-da-republica-para-denunciar-os-varios-bens-que-estao-na-area-quilombola-que-estao-send/ > . Acesso em: 10/02/2020
__________________. Cruzeiro da Fortaleza: Administração municipal, legislativo, Ong`s, COMPIR, Federação dos Associações Quilombolas- FENAQ e população realizam, audiência publica para debater sobre a mineradora de Serra do Salitre, sobre os possíveis impactos. Disponível em < http://avozdopovo.org/cruzeiro-da-fortaleza-administacao-municipal-legislativo-ongs-compir-federacao-nacional-das-associacoes-quilombolas-fenaq-e-populacao-reali/ > Acesso em 10/02/2020
EDELMAN, Marc e LEÓN, Andrés. Cycles of land grabbing in Central America: an argument for history and a case study in the Bajo Aguán, Honduras. Third World Quarterly. Vol. 34, nº. 9, 2013, p. 1697-1722 (Número especial sobre Global Land Grabs).

G1 PORTAL DE NOTICIAS. Mineradora em Serra do Salitre prevê geração de mais de 2 mil empregos. Disponível em: < G1.globo.com/minas-gerais/triangulo-mineiro/concursos-e-emprego/noticia/2016/11/mineradora-em-serra-do-salitre-preve-geracao-de-mais-de-2-mil-empregos.html>. Acesso em: 1 de dezembro 2019.

LUCCHESI, C. e CUADROS, A. “Nióbio faz dos Moreira Salles a família mais rica do Brasil” 13/03/2013. Disponível em Acesso em 15/02/2020.

MARQUES, Carlos. 2009. De Quilombos a Quilombolas: Notas Sobre Um Processo Histórico-Etnográfico. Revista De Antropologia 52 (1), 340-74. São Paulo: USP, 2009.

O’DWYER, Eliane Cantarino (org.). Quilombos. Identidade étnica e territorialidade. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2002.

OLIVEIRA,Elida. Brasil investe para vender nióbio à China. Folha de São Paulo, São Paulo, 10 nov 2011, Mercado.

SAUER, Sérgio e BORRAS, Saturnino. Land grabbing e Green grabbing: uma leitura acadêmica, sobre a apropriação global de terras. Revista Campo - Território. Vol 11, n.23, 2016.

SAUER,S. e LEITE, Sergio. Expansão Agricola, preços e apropriação de terras por estrangeiros no Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural. Vol 50, n.3, 2012.

SCHMITT, Alessandra; TURATTI, Maria Cecília Manzoli; CARVALHO, Maria Celina Pereira de. A atualização do conceito de quilombo: identidade e território nas definições teóricas. Ambient. soc., Campinas , n. 10, p. 129-136, Junho 2002 .Disponível em .Acesso em 14/01/2020

SILVA, Jóse C. Congado e cultura centro-africana: marcas da ancestralidade. In: CLEMENTE,C.C e SILVA, J.C.(Org.) Negros, cultura e vida urbana: estudos etnográficos sobre o Congado. Uberlandia: RBdigital, 2013.

WEBER, Max. Economia e sociedade, vol. 1, São Paulo, Imprensa Oficial/Ed. UnB, 2004.

WOLFFENBÜTTEL, Andréa. Investimento Estrangeiro Direto. Revista Desafios do Desenvolvimento- IPEA, 2006. Disponível em: < http://desafios.ipea.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=2103:catid=28&Itemid=23>. Acesso em: 01/02/2020.

ZHOURI, Andréa et al. O desastre da Samarco e a política das afetações: classificações e ações que produzem o sofrimento social. Cienc. Cult., São Paulo , v. 68, n. 3,Set.2016. Disponível em . Acesso em 10/02/2020.
Publicado
2020-09-22
Como Citar
Correa Clemente, C. (2020). Quilombos em Minas Gerais: a titulação em terras de interesse transnacional. Revista História: Debates E Tendências, 20(3), 262-279. https://doi.org/10.5335/hdtv.20n.3.11661