Restabelecimento de ponto de contato em dentes com coroas totais posteriores

  • Jaisson Cenci UNIOESTE
  • Jussimar Scheffer Castilhos Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE
  • Francielle Carneiro Hirata
  • Kaohana Thaís da Silva
  • Carlos Augusto Nassar
Palavras-chave: ponto de contato, coroa total, dentística restauradora

Resumo

Objetivo: A presença do ponto de contato é essencial para manter a saúde das estruturas periodontais, além de evitar inclinações dentárias e desgastes, conservando assim, uma oclusão ideal. O objetivo deste artigo é apresentar um relato de caso clínico com restabelecimento dos pontos de contato de forma conservadora, através da ortodontia e da dentística restauradora, em dentes com coroas totais. Relato de caso: Paciente do gênero feminino, 69 anos de idade, compareceu a clínica odontológica da universidade com queixa de impacção alimentar e desconforto na região superior posterior direita da arcada. Foi observado clinicamente ausência do ponto de contato entre os dentes 15, 16 e 17 e optado pelo tratamento multidisciplinar envolvendo a ortodontia e a dentística restauradora. Para isso, foram utilizados bráquetes no segundo pré-molar e no primeiro molar superior direito (dentes 15 e 16, respectivamente), e botões ortodônticos nas faces palatinas dos mesmos, e do segundo molar superior (dente 17), unidos por elástico corrente tamanho médio. Quando obtidos os pontos de contato, foi realizada a restauração do primeiro pré-molar direito (dente 17) com resina composta. Considerações finais: O uso de elásticos corrente e botões ortodônticos foram satisfatórios para a obtenção de pontos de contato entre esses dentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

1. Vieira PLS, Lima-Arsati YBO. Posterior diastema closure as a complement for the orthodontic treatment: clinical case. RGO 2007; 55(4):399-402.
2. Araújo TM, Machado AW, Nascimento MHA, Machado JW. Ortodontia e dentística na recuperação da estética do sorriso: relato de um caso clínico. R Clin Ortodon Dental Press 2005; 4(5):60-8.
3. Cunha LF, Mondelli J, Furuse AY. Planejamento e conside-rações pré e pós-operatórias no fechamento de diastemas. Revista Brasileira de Odontologia 2011; 68(1):12-5.
4. Meneghel LL, Wang L, Lopes MB, Gonini AJ. Interproximal space recovery using an orthodontic elastic separator be-fore prosthetic restoration: a case report. Braz Dent J 2011; 22(1):79-82.
5. Andreiuolo R, Veiga W, Miragaya L, Dias KRHC. Fechamen-to de diastema com coroas de alumina densamente sinteriza-das. Rev bras odontol 2011; 68(1):81-4.
6. Ribeiro TTC, Cunha LF, Mondelli J, Raveli DB. Anterior clo-sure diastema: association of orthodontic and restorative pro-cedures. Orthodontic Science and Practice 2011; 4(16):94-100.
7. Keogh TP, Bertolotti RL. Creating tight anatomical correct interproximal contacts. Dental Clinics of North America 2001; 45(1):83-101.
8. PrakkiA, Cilli R, Saad J, Rodrigues J. Clinical evaluation of proximal contacts of class II esthetic direct restorations. Quintessence International 2004; 35(10):785-8.
9. Oltramari PVP, Conti ACCF, Navarro RL, Almeida MR, Al-meida-Pedrin RR, Ferreira FPC. Importance of occlusion as-pects in the completion of orthodontic treatment. Braz Dent J 2007; 18(1):78-82.
10. Kim DS, Suh KW. A proximal contact adjustment and inter-proximal relief method. The Journal of Prosthetic Dentistry 2007; 97(4):244-5.
11. Saber MH, Loomans AC, El-Zohairy A, Dörfer CE, El-Bad-rawy W. Evaluation of Proximal Contact Tightness of Class II Resin Composite Restorations. Operative Dentistry 2010; 35(1):37-43.
12. Kochenborger C, Silva DL, Marchioro EM, Vargas DA, Hahn L. Avaliação das tensões liberadas por elásticos ortodônti-cos em cadeia: estudo in vitro. Dental Press J Orthod 2011; 16(6):93-9.
13. Kessler M. Interrelationships between orthodontics and perio-dontics. American Journal of Orthodontics 1976; 70(2):154-72.
14. Aguiar Junior FA, Tiossi R, Macedo AP, Mattos MGC, Ribei-ro RF, Rodrigues RCS. Importance of a distal proximal con-tact on load transfer by implant-supported single adjacent crowns in posterior region of the mandible: a photoelastic study. J Appl Oral Sci 2013; 21(5):397-402.
15. Kim HS, Na HJ, Kim HJ, Kang DW, Oh SH. Evaluation of proximal contact strength by postural changes. J Adv
Prosthodont 2009; 1(3):118-23.
16. Klein F, Keller KA, Staehle HJ, Dorfer EC. Proximal con-tact formation with different restorative materials and tech-niques. American Dentistry 2002; 15(4):232-5.
17. Demarco FF, Pereira-Cenci T, André DA, Barbosa RPS. Ef-fects of metalic or translucent matrices for class II composite restaurations: 4-year clinical follow-up findings. Clin Oral
Invest 2011; 15:39-47.
Publicado
2020-12-16
Como Citar
Cenci, J., Castilhos, J., Hirata, F., da Silva, K., & Nassar, C. (2020). Restabelecimento de ponto de contato em dentes com coroas totais posteriores. Revista Da Faculdade De Odontologia - UPF, 25(1), 155-161. https://doi.org/10.5335/rfo.v25i1.9655
Seção
Revisão de Literatura