Doenças gengivais relacionadas à qualidade de vida de indivíduos com fissura labiopalatina: uma revisão integrativa de estudos observacionais

  • Felipe Borsa Lago Universidade de São Paulo, Brasil
  • Roosevelt Silva Bastos Faculdade de Odontologia de Bauru, Universidade de São Paulo
  • Ana Lúcia Pompéia Fraga de Almeida Faculdade de Odontologia de Bauru, Universidade de São Paulo
  • Rodrigo Moreira Bringel da Costa Faculdade de Odontologia de Bauru, Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Fissura Labiopalatina, Qualidade de vida, Gengivite, Epidemiologia

Resumo

Objetivo: o objetivo desta revisão integrativa crítica foi investigar a relação de fissuras labiopalatinas comdoenças gengivais, correlacionando-as à qualidade de vida, de modo a fornecer esclarecimento sobre a temática, mesmo que sejam necessários mais estudos de acompanhamento longitudinal neste tema. Revisão de literatura: a Organização Mundial de Saúde define qualidade de vida correlacionada à condição bucal como a autopercepção do indivíduo sobre a influência de sua condição oral – em aspectos relacionados ao seu bem-estar geral, é plausível que ocorra associação com a doença periodontal, além disso, o possível impacto que tais condições podem desempenhar na vida dos indivíduos com fissura labiopalatina ainda é pouco conhecido, tornando-se relevante sintetizar dados dessa provável associação. Considerações finais: a presente revisão enfatizou a análise crítica de estudos transversais e longitudinais, supondo que a adequada compreensão das particularidades desses estudos favoreça o entendimento do impacto das doenças gengivais, associada a pacientes com fissura labiopalatina, e tendo como base que o entendimento desses fatores podem implicar no bem-estar da população estudada, servindo de auxílio na tomada terapêutica e no modo de agir do cirurgião-dentista. Portanto, mais estudos com qualidade metodológica são necessários nesta temática, podendo contribuir para uma definição mais clara da possível associação de piores escores de higiene a um impacto na qualidade de vida de indivíduos com fissura labiopalatina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

1. Lindhe J, Ranney, R., Lamster, I., Charles, A., Chung, C.-P.,
Flemmig, T., Sommerman, M. Consensus report: chronic periodontitis.
Annals of Periodontology, 1999; 4(1):38-38.

2. Araujo AC, Gusmao ES, Batista JE, Cimoes R. Impact of periodontal
disease on quality of life. Quintessence international,
2010; 41(6):111-8.

3. Koller M, Klinkhammer-Schalke, M, Lorenz, W. Outcome
and quality of life in medicine: a conceptual framework to
put quality of life research into practice. Urologic Oncologic:
Seminars and Original Investigations, 2005; 23(3):186-92.

4. Freitas JA, Almeida AL, Soares S, Neves LT, Garib DG,
Trindade-Suedam IK, et al. Rehabilitative treatment of cleft
lip and palate: experience of the Hospital for Rehabilitation
of Craniofacial Anomalies/USP (HRAC/USP) - Part 4: oral
rehabilitation. Journal of applied oral science: revista FOB,
2013; 21(3):284-92.

5. Freitas JA, Trindade-Suedam IK, Garib DG, Neves LT, Almeida
AL, Yaedu RY, et al. Rehabilitative treatment of cleft
lip and palate: experience of the Hospital for Rehabilitation
of Craniofacial Anomalies/USP (HRAC/USP) – Part 5: institutional
outcomes assessment and the role of the Laboratory
of Physiology. Journal of Aplied Oral Science: Revista FOB,
2013; 21(4): 383-90.

6. Eke PI, Dye BA, Wei L, Thornton-Evans GO, Genco RJ. Cdc
Periodontal Disease Surveillance workgroup: James Beck
GDRP. Prevalence of periodontitis in adults in the United
States: 2009 and 2010. Journal of Dental Research, 2012;
91(10):914-20.

7. Kingman A, Susin C, Albandar JM. Effect of partial recording
protocols on severity estimates of periodontal disease.
Journal of clinical periodontology. 2008; 35(8):659- 67.

8. Opperman RV. An overview of the epidemiology of periodontal
disease in Latin America. Brazilian Oral Research, 2007;
21(1):8-15.

9. Almeida AL, Gonzalez MK, Greghi SL, Conti PC, Pegoraro
LF. Are teeth close to the cleft more susceptible to periodontal
disease? The Cleft palate-craniofacial journal: official publication
of the American Cleft Palate-Craniofacial Association,
2009; 46(2):161-5.

10. Almeida AL, Madeira LC, Freitas KC, Greghi SL, Pegoraro
LF. Cross-sectional evaluation of the presence of gingival
recession in individuals with cleft lip and palate. Journal of
Periodontology, 2007;78(1):29-36.

11. Marcusson A, Akerlind I, Paulin G. Quality of life in adults
with repaired complete cleft lip and palate. The Cleft palate-
craniofacial journal: official publication of the American
Cleft Palate-Craniofacial Association, 2001; 38(4):379-85.

12. Ward JA, Vig KW, Firestone AR, Mercado A, da Fonseca M,
Johnston W. Oral health-related quality of life in children
with orofacial clefts. The Cleft palate-craniofacial journal :
official publication of the American Cleft Palate-Craniofacial
Association, 2013; 50(2):174-81.

13. Pisek A, Pitiphat W, Chowchuen B, Pradubwong S. Oral
health status and oral impacts on quality of life in early adolescents
cleft patirntes. Journal of The Medical Association
of Thailand, 2014; 53(2):7-16.
Publicado
2020-04-28
Como Citar
Lago, F., Silva Bastos, R., Pompéia Fraga de Almeida, A., & Moreira Bringel da Costa, R. (2020). Doenças gengivais relacionadas à qualidade de vida de indivíduos com fissura labiopalatina: uma revisão integrativa de estudos observacionais. Revista Da Faculdade De Odontologia - UPF, 24(3), 408- 412. https://doi.org/10.5335/rfo.v24i3.9566
Seção
Artigos