Redução de seio frontal: abordagem bucomaxilofacial na terapia de reabilitação das fraturas panfaciais

  • Renato dos Santos Hospital São Vicente de Paulo
  • Pâmela Marli Cavalheiro Estudante de Odontologia, Universidade do Vale do Itajaí (Univali), Itajaí, Santa Catarina, Brasil.
  • Iara Fiorentin Comunello Especialista em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, HSVP-CEOM, Passo Fundo, Rio Grande do Sul, Brasil.
  • Mara Campos Cirurgiã-dentista, Univali, Itajaí, Santa Catarina, Brasil.
  • Guilherme Luckmann Cirurgião-dentista, Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), Erechim, Rio Grande do Sul, Brasil.

Resumo

Objetivo: relatar um caso clínico de fratura do seio frontal,com o manejo clínico e cirúrgico, as complicaçõese os benefícios dos tratamentos adotados. As lesões doseio frontal, na sua maioria, relacionam-se a traumasde grande amplitude, como acidentes com veículos automotores,agressões físicas, ferimentos com arma defogo e acidentes em trabalhadores da construção civil,acometendo mais a população masculina entre 21 e30 anos de idade, podendo afetar as paredes anteriore/ou inferior do seio frontal, incluindo fraturas naso--órbito-etmoidal e zigomáticas. O seu envolvimentopode causar complicações relacionadas a cavidade intracraniana,órbita e/ou estruturas nasais, como sinusitesrecorrentes, osteomielite do osso frontal, mucoceleou mucopiocele, meningite, encefalite, abcesso cerebralou trombose do seio cavernoso, podendo evoluirpara o óbito do paciente. Os objetivos do tratamentosão: prevenção de infecção, isolamento do conteúdointracraniano, correção da drenagem de líquido cefalorraquidiano,restauração da função e da estética, podendoser realizado por equipe multidisciplinar. Relatode caso: o presente trabalho expõe um caso de fraturafronto-naso-órbito-etmoidal com afundamento de seiofrontal, confirmada por exame tomográfico de face,em um paciente masculino de 26 anos, vítima de acidenteautomobilístico, submetido a redução da paredeanterior do seio frontal, imobilização e fixação internarígida, com posterior redução fechada da fratura dos ossosnasais, tamponamento nasal anterior e contençãoexterna com micropore e gesso. Considerações finais:demonstrou-se com esse artigo a possibilidade de divergênciade tomada de conduta das diferentes áreasenvolvidas no tratamento e a importância do tratamentomultidisciplinar. Palavras-chave: Bucomaxilofacial. Fraturas. Seio frontal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato dos Santos, Hospital São Vicente de Paulo
Graduado em Odontologia pela Universidade de Passo Fundo (2012). Especialista em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial no Hospital São Vicente de Paulo – CEOM, Passo Fundo - RS (2014). Membro do Corpo Clínico e Plantonista no setor de Emergência do Hospital São Vicente de Paulo, Passo Fundo - RS. Credenciado para aplicação de Toxina Botulínica pelo Instituto Odontológico das Américas, Balneário Camboriú - SC (2012). Credenciado em Estética Oro-Maxilo-Facial no Centro de Estudos Odontológicos Meridional, Passo Fundo - RS (2013). Realizou o Curso de Atualização em Cirurgia Oral Menor pelo Centro de Estudos Odontológicos Meridional, Passo Fundo - RS (2012). Atualmente trabalha no Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo abordando as seguintes áreas: Emergências Bucomaxilofaciais, Traumatologia Bucomaxilofacial, Cirurgia das Deformidades Dentofaciais, Cirurgia da Articulação Temporo-mandibular, Cirurgia Oral menor, Assistência Odontológica ao paciente Oncológico, Odontologia Hospitalar, Laserterapia e Estética Oro-Maxilo-Facial. Preceptor do Curso de Pós-graduação em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial do Centro de Estudos Odontológicos Meridional - HSVP (2014 a 2017). Participou de projetos de pesquisa como coordenador e orientador estabelecido no setor de Radioterapia e Quimioterapia do Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo - RS (2012 a 2017). Professor nos cursos de Pós-graduação de Estética Oro-Maxilo-Facial no Instituto Odontológico das Américas - Balneário Camboriú / SC (2016, 2017). Professor do Curso de Pós Graduação em Cirurgia Oral Menor aperfeiçoamento em Bichectomia no Instituto Odontológico das Américas - Balneário Camboriú / SC (2016, 2017). Professor do Curso de Cirurgia Oral Menor no Instituto Odontológico das Américas - Balneário Camboriú / SC (2016, 2017). Professor nos cursos de Pós Graduação no Instituto de Ortopedia e Traumatologia HSVP - Passo Fundo / RS (2015 a 2017). Mestrando em Odontologia na Universidade de Passo Fundo / RS (2016 a 2017). Professor da Universidade Regional Integrada do alto Uruguai e das Missões, Erechim – RS (2017). Membro do Colégio Brasileiro de Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial. Membro da Sociedade Brasileira de Toxina Botulínica e Implantes Faciais na Odontologia.

Referências

Araújo JCME, Nogueira FDFA, Lima Neto VNC. Cirurgia das fraturas do seio frontal: estudo epidemiológico e análise de técnicas. Rev Bras Otorrinolaringol 2006; 72:204-9.

Doonquah L, Brown P, Mullings W. Management of frontal sinus fractures. Oral Maxill Fac Surg 2012; 24(2):265-74.

Guy WM, Brissett AE. Contemporary management of traumatic fractures of the frontal sinus. Otolaryng Clinics 2013; 46(5):733-48.

Ruggiero FP, Zender CA. Frontal sinus cranilization. Operat Techniq Otolaryng 2010; 21(2):143-6.

Fonseca RJ, Robert JW, H. Dexter Barber, Michael PP,‎ David EF. Trauma bucomaxilofacial. 4. ed. Rio de Janeiro: Elsevier; 2015.

Miloro M, Ghali GE, Larsen PE, Waite PD. Princípios de cirurgia bucomaxi-lofacial de Peterson. 2. ed. São Paulo: Santos; 2013.

Strong EB. Frontal sinus fracture. Operative Techniq Otolaryng 2008; 19:151-60.

Strong EB, Pahlavan N, Saito D. Frontal sinus fracture: a 28-year retrospective review. Otolaryngo – Head Nec Surg 2006; 135:774-9.

Ioannides C, Freihofer AP. Fracture of the frontal sinus: classificarion and its implications for surgical treatment. Amer J Otolaryng 1999; 20(5):273-80.

Molendrijk J, Van der Wal KGH, Koudstall MJ. Surgical treatment of frontal sinus fractures: the simple percutaneous reduction revised. Int J Oral Maxillofac Surg 2012; 41:1192-4.

Manganelo-Souza LC, Luz JGC. Tratamento cirúrgico do trauma bucomaxilofacial. Rio de Janeiro: Roca; 2006.

Spinelli G, Lazzeri D, Arcuri F, Agostini T. Closed reduction of the isolated anterior frontal sinus frature via percutaneous screw placement. Int J Oral Maxillofac Surg 2014; 44(1):79-82.

Koudstaal MJ, Van der Wald KGH, Bijvoet HWC, Vincent AJPE, Poublon RMI. Post-trauma mucocele formation in the frontal sinus: a rationale of follow-up. Int J Oral Maxillofac Surg 2004; 33:751-4.

Arcuri F, Baragiotta N, Poglio G, Benech G. Post-traumatic deformity of the anterior frontal table managed by placement of a titanium mesh via an endoscopic approach. Brit J Oral Maxilllof Surg 2012; 50:53-4.

Tiwari P, Higuera S, Thornton J, Hollier LH. The management of frontal sinus fractures, J Oral Maxillofac Surg 2005; 63:1354-60.

Fattahi T, Salman S. An aesthetic approach in the repair of anterior frontal sinus fractures. Int J Oral Maxillofac Surg 2016; 45(9):1104-7.

Meiklejohn BD, Lynham A, Borgna SC. A simplified approach for the reductions of specific closed anterior table frontal sinus fractures. Brit J Oral Maxillofac Surg 2014; 52:81-4.

Rao J, Blackburn TK, Clark S, Musgrove BT. Upper eyelid incision and use of a 90º screwdriver for osteosynthesis of fractures of the anterior table of the frontal sinus. Brit J Oral Maxillofac Surg 2014; 51:974-5.

Jafari A, Nuyen BA, Salina CR, Smith AM, Deconde AS. Spontaneous ventilation of the frontal sinus after fratures involving the frontal recess. Amer J Otolaryng 2015; 36:837-42.

Vironneau P, Coste A, Oruliere-Escabasse V. Frontal sinus obliteration with autologous calvarial bone graft: indications and results. Eur Arch Otorhinolaryngol 2014; 271(11):2957-62.

Publicado
2018-08-15
Como Citar
Santos, R., Cavalheiro, P., Comunello, I., Campos, M., & Luckmann, G. (2018). Redução de seio frontal: abordagem bucomaxilofacial na terapia de reabilitação das fraturas panfaciais. Revista Da Faculdade De Odontologia - UPF, 23(1). https://doi.org/10.5335/rfo.v23i1.7613
Seção
Artigos