Saúde bucal na escola: avaliação do conhecimento dos pais e da condição de saúde bucal das crianças

  • Cléa Adas Saliba Garbin Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista
  • Gabriella Barreto Soares Faculdade de Odontologia de Araçatuba-UNESP
  • Izabella Maria Martin Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista
  • Artênio José Ísper Garbin Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista
  • Renato Moreira Arcieri Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista

Resumo

Objetivo: avaliar a condição de saúde bucal de pré-escolares e o conhecimento dos pais sobre saúde bucal. Sujeitos e método: estudo transversal, analítico, com amostra de 147 pais e seus respectivos filhos, realizado nas escolas municipais de educação básica de Araçatuba, São Paulo. Foi aplicado um questionário com questões sociodemográficas e de conhecimento de saúde bucal; realizado exame clínico bucal nas crianças para verificar o Ceod e o IHO-S. Os dados foram analisados no software SPSS. Resultados: a maioria dos entrevistados era do sexo feminino (60,5%) e tinha entre 18 e 34 anos de idade (66%). Em relação ao grau de instrução, 56,5% tinham de 10 a 12 anos de estudo e 68,7% trabalhavam, porém, a maioria apresentava uma renda familiar entre 1 e 2 salários mínimos (51%), e 18,4% recebiam bolsa família. A condição de saúde bucal dos filhos era boa, o Ceod teve média de 0,68. A maioria das crianças apresentou um índice de higiene oral médio (1,51 IHO-S, dp = 0,48). Na análise bivariada, houve associação entre a causa da cárie dentária e a variável sexo (p = 0,036) dos pais; o que é preciso para prevenir a cárie teve associação estatística com a idade (p = 0,045) e a raça (p = 0,008) dos pais. Conclusão: o conhecimento dos pais e responsáveis sobre saúde bucal não foi adequado, apesar da boa condição de saúde bucal dos seus filhos. Fatores sociodemográficos como gênero, idade, raça e grau de instrução dos pais estiveram associados a um maior conhecimento sobre saúde bucal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cléa Adas Saliba Garbin, Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista
Professora doutora adjunta do Departamento de Odontologia Infantil e Social Programa de Pós-Graduação em Odontologia Preventiva e Social
Gabriella Barreto Soares, Faculdade de Odontologia de Araçatuba-UNESP
Departamento de Odontologia Infantil e Social Programa de Pós-Graduação em Odontologia Preventiva e Social
Artênio José Ísper Garbin, Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista
Professor doutor adjunto do Departamento de Odontologia Infantil e Social Programa de Pós-Graduação em Odontologia Preventiva e Social
Renato Moreira Arcieri, Faculdade de Odontologia de Araçatuba UNESP Univ - Estadual Paulista
Professor doutor adjunto do Departamento de Odontologia Infantil e Social Programa de Pós-Graduação em Odontologia Preventiva e Social
Publicado
2016-10-18
Como Citar
Garbin, C., Soares, G., Martin, I., Ísper Garbin, A., & Arcieri, R. (2016). Saúde bucal na escola: avaliação do conhecimento dos pais e da condição de saúde bucal das crianças. Revista Da Faculdade De Odontologia - UPF, 21(1). https://doi.org/10.5335/rfo.v21i1.5965
Seção
Artigos