Os impactos do PAR na educação infantil do campo: um estudo exploratório

  • Arlete Ramos dos Santos UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ http://orcid.org/0000-0003-0217-3805
  • Elenice de Brito Teixeira Silva
  • Cândida Maria Santos Daltro Alves Universidade Estadual de Santa Cruz
Palavras-chave: Educação do Campo. Educação Infantil. Políticas Públicas. Plano de Ações Articuladas.

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar os impactos do Plano de Ações Articuladas - PAR - na política de educação infantil do campo em três municípios da Bahia, a saber: Ilhéus, Itabuna e Vitória da Conquista. A pesquisa realizada foi qualitativa, de natureza exploratória, cujos instrumentos de coleta de dados foram: revisão de literatura, entrevistas semiestruturadas, questionários e análise documental. Dentre os sujeitos da pesquisa temos pessoas das secretarias de educação que atuam no monitoramento do PAR, bem como, integrantes da coordenação de escolas do campo. Os resultados apontam que algumas ações das dimensões do PAR foram implementadas nos municípios pesquisados por meio de vários programas educacionais, porém, os dados evidenciaram que o pacto federativo, embora articule diferentes dimensões para o atendimento educacional, ainda não significa um avanço na cobertura do atendimento às crianças de 0 a 5 anos no campo, tampouco, na consideração das especificidades das práticas educativas nessa etapa da educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Arlete Ramos dos Santos, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ
Doutora em Educação (FAE/UFMG), Professora Adjunta do Departamento de Ciências da Educação (DCIE), na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC); Professora no Programa de Pós-Graduação – Mestrado em Formação de Professores para a Educação Básica (DCIE/UESC). Coordenadora do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação e Ciências Humanas (CEPECH). Coordenadora do Grupo de Estudos Movimentos Sociais, Diversidade e Educação do Campo – GEPEMDEC/CEPECH (DCIE/UESC).
Cândida Maria Santos Daltro Alves, Universidade Estadual de Santa Cruz
Doutora em Educação pela UNICAMP; Profa. Adjunta do Departamento de Ciências da Educação (UESC); Profa. do Mestrado Profissional em Educação Básica da UESC (PPGE/UESC).
Publicado
2018-12-13
Como Citar
DOS SANTOS, A.; TEIXEIRA SILVA, E.; DALTRO ALVES, C. M. Os impactos do PAR na educação infantil do campo: um estudo exploratório. Revista Espaço Pedagógico, v. 26, n. 1, p. 214-237, 13 dez. 2018.