Os jovens com síndrome de Down e sua escrita

  • Bruna Cristina Comin Universidade Federal de São Carlos
  • Maria da Piedade Resende da Costa Universidade de São Paulo - USP
Palavras-chave: Escrita. Síndrome de Down. Jovens.

Resumo

O processo de aprendizagem da escrita não é algo natural, visto que para que ocorra há a necessidade de um mediador com formação adequada. Embora a escrita tenha uma função importante no processo adaptativo, quando se considera o processo educativo dos jovens com síndrome de Down, há poucos dados sobre os níveis de escrita atingidos por eles. Portanto, este trabalho temo objetivo de identificar padrões na escrita de jovens com síndrome de Down, fazendo um comparativo em relação aos níveis prescritos por Emília Ferreiro (2001) (pré-silábico, silábico, silábico--alfabético e alfabético). Para se alcançar o objetivo proposto, três jovens com idades entre treze e dezesseis anos de idade foram selecionados para participar do estudo, que se caracteriza como um estudo de caso. Os critérios estabelecidos para a seleção foram: ter síndrome de Down; ser jovem; pertencer a uma escola especializada; ser identificado em um dos níveis de Ferreiro; e não apresentar outra deficiência como: cegueira, surdez, autismo, entre outras. O instrumento utilizado para avaliar a escrita foi a Prova das quatro palavras e uma frase. Os resultados em evidência apontaram que o desenvolvimento da escrita de jovens com síndrome de Down não diferem das crianças e dos jovens sem a síndrome.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruna Cristina Comin, Universidade Federal de São Carlos
Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Educação Especial (PPGEEs) da Universidade Federal de São Carlos. Graduada no curso de Licenciatura em Pedagogia pela Universidade Federal de São Carlos.
Maria da Piedade Resende da Costa, Universidade de São Paulo - USP
Doutora em Psicologia (Psicologia Experimental) pela Universidade de São Paulo (1992). Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação Especial da Universidade Federal de São Carlos.
Publicado
2015-07-16
Como Citar
COMIN, B.; DA COSTA, M. Os jovens com síndrome de Down e sua escrita. Revista Espaço Pedagógico, v. 22, n. 1, 16 jul. 2015.