O mundo da criança invade a escola: entre diálogos e enfrentamentos

  • Adriana Dickel Universidade de Passo Fundo
Palavras-chave: Escola pública. Atividade docente. Contexto escolar. Mundo da criança.

Resumo

Este trabalho aborda aspectos relativos ao modo como a vida das crianças penetra na escola de periferia e interfere no trabalho pedagógico e nas percepções do mundo e do processo educativo trazidas pelas professoras. A análise de dois episódios, produzidos com base em observações realizadas em ambientes naturais de sala de aula, permite uma aproximação com a perversidade do abandono por que passam as crianças e com as contradições presentes no modo como as professoras vivem o confronto entre o seu entendimento de mundo e da escola e as configurações (aprendizados) manifestas pelas crianças. O movimento das professoras diante do mundo que invade a escola é contraditório. Por vezes, acirram as dores vividas pelos pequenos; por outras, compreendem seus atos como momentos de uma totalidade que somente poderá ser compreendida no jogo de suas múltiplas determinações. Em comum o entendimento de que o maior dano produzido por esse sofrimento social diz respeito ao fato de repercutir dolorosamente sobre as aprendizagens escolares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Dickel, Universidade de Passo Fundo
Professora da Universidade de Passo Fundo.Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
Publicado
2012-01-27
Como Citar
DICKEL, A. O mundo da criança invade a escola: entre diálogos e enfrentamentos. Revista Espaço Pedagógico, v. 18, n. 1, 27 jan. 2012.