Socialização feminina, protagonismo humano e educação: uma análise a partir de Christine de Pizan

Palavras-chave: Christine de Pizan. Educação. Socialização Feminina. Protagonismo. Igualdade.

Resumo

Christine de Pizan (1364-1430) defendeu uma educação de qualidade como ferramenta potencial para impulsionar o protagonismo humano, além de promover a igualdade. Afirmava a necessidade de se educar meninos e meninas igualmente, no processo de socialização, de modo a possibilitar o desenvolvimento intelectual das mulheres. Com o objetivo de investigar como uma mulher do período Medieval conseguiu se dar conta dessa necessidade premente, promovendo-a, o artigo em questão foi estruturado em duas etapas, a saber: em um primeiro momento, discorre-se sobre quem foi Christine de Pizan e em que contexto ela estava inserida. Em um segundo momento, objetiva-se analisar a contribuição de Pizan para a Educação, bem como compreender a visão da autora acerca da temática, relacionando-a com o contexto educacional atual. Como considerações finais, destaca-se a educação como cerne estruturante no protagonismo humano, em conjunto com o seu potencial libertador.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patricia Ketzer, Universidade de Passo Fundo
Possui graduação (2008) e mestrado (2010) em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Maria e doutorado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2015). Atualmente é professor adjunto II da Universidade de Passo Fundo. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Epistemologia, atuando principalmente nos seguintes temas: injustiças epistêmicas, epistemologia feminista, questões de gênero.
Ana Paula Scheffer, Universidade de Passo Fundo
Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de Passo Fundo (2015). Mestrado em Engenharia Civil e Ambiental pela Universidade de Passo Fundo. É graduanda em Filosofia pela Universidade de Passo Fundo. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, atuando principalmente nos seguintes temas: sustentabilidade, arquitetura, meio ambiente, mobilidade sustentável e infraestrutura.
Publicado
2021-09-16
Como Citar
KETZER, P.; SCHEFFER, A. Socialização feminina, protagonismo humano e educação: uma análise a partir de Christine de Pizan. Revista Espaço Pedagógico, v. 28, n. 1, p. 258-275, 16 set. 2021.