Leitura literária e múltiplas linguagens: um breve passeio entre a caverna e o ciberespaço

  • Evanir Pavloski Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG
Palavras-chave: leitura. literatura. diacronia. múltiplas linguagens

Resumo

O objetivo do presente artigo é traçar um breve panorama da multiplicidade de formas e suportes que a leitura literária assumiu ao longo dos séculos, desde de manifestações narrativas anteriores ao próprio surgimento do termo literatura. Sem quaisquer pretensões de esgotar um tema tão abrangente e tão complexo, pretendemos demonstrar que a análise do processo diacrônico de recepção de textos produzidos a partir de diferentes matrizes semióticas é uma abordagem produtiva para refletir não apenas sobre as dimensões do ato da ler, mas também sobre a mutabilidade do próprio conceito de leitura. Para tanto, utilizaremos as perspectivas teórico-críticas de autores como, por exemplo, Hans Robert Jauss, Vincent Jouve, Eliana Yunes, Alberto Manguel e Espen Aarseth.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Evanir Pavloski, Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG
Professor adjunto do Departamento de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), onde leciona as disciplinas de Literaturas de Língua Inglesa I e II. Docente do Programa de Mestreado em Estudos da Linguagem, no qual orienta dissertações sobre os seguintes temas: Literatura e utopia, Literatura Fantástica e Teorias da recepção.
Publicado
2017-10-19
Como Citar
Pavloski, E. (2017). Leitura literária e múltiplas linguagens: um breve passeio entre a caverna e o ciberespaço. Revista Desenredo, 13(2). https://doi.org/10.5335/rdes.v13i2.7255
Seção
Artigos