Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Matemática http://seer.upf.br/index.php/rbecm <p>A<strong>&nbsp;RBECM</strong> possui publicação semestral sob a responsabilidade do Programa de Pós Graduação em Ensino de Ciências e Matemática (PPGECM), voltada exclusivamente para a pesquisa na área de ensino/aprendizagem de Ciências (Física, Química, Biologia ou Ciências Naturais, quando enfocadas de maneira integrada) e Matemática.</p> <p>Este periódico tem como objetivo principal a divulgação aberta de trabalhos relevantes e originais em pesquisa em ensino de Ciências e Matemática para a comunidade internacional de pesquisadores.</p> <p>ISSN:&nbsp;<strong>2595-7376</strong></p> <p><em><strong>CHAMADA PARA SUBMISSÃO</strong></em></p> <p>Informamos que a submissão de textos, conforme os critérios da Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Matemática - RBECM,&nbsp;encontra-se aberta para o segundo semestre de 2019. Os interessados,&nbsp;<em>após realizar o seu cadastro</em>, podem enviar os seus manuscritos via sistema da revista.</p> <p><strong>Prazos para submissão:</strong></p> <p>até <strong>30/09/2019</strong>&nbsp;para o segundo semestre (jul-dez);</p> <p>Ao enviar o texto para submissão, é importante que os autores observem as normas de publicação da Revista.</p> <p><em>Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Matemática - <strong>RBECM</strong>:&nbsp;</em>Revista do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática da Universidade de Passo Fundo.</p> pt-BR <p><img src="https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/9/99/Cc-by-nc_icon.svg/1280px-Cc-by-nc_icon.svg.png" alt="Resultado de imagem para ccbync" width="93" height="32"></p> <p>Este artigo está licenciado com a licença:&nbsp;<a href="http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0">http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0</a>&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> alinelocatelli@upf.br (Aline Locatelli) carlosgabriel@upf.br (Carlos Gabriel Scheleder) Seg, 17 Dez 2018 15:13:09 -0200 OJS 3.1.1.2 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 Expediente http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8985 Aline Locatelli ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8985 Seg, 17 Dez 2018 00:00:00 -0200 Editorial http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8984 Marcelo de Carvalho Borba ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8984 Seg, 17 Dez 2018 12:58:57 -0200 O ensino de cálculo diferencial e integral sob a óptica da teoria dos campos conceituais http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8976 <p style="text-align: justify;">A Teoria dos Campos Conceituais é uma&nbsp;teoria psicológica, fruto de um estudo realizado&nbsp;por Gèrard Vergnaud, embasado nas&nbsp;ideias de Piaget e Vigotsky. Esta pesquisa&nbsp;tem como objetivos o entendimento dessa&nbsp;teoria, além da contextualização com&nbsp;o ensino de Cálculo Diferencial e Integral.&nbsp;A partir de uma pesquisa bibliográfica, foram&nbsp;descritos os principais pontos da teoria&nbsp;dos Campos Conceituais, com destaque&nbsp;para o tripleto (S, I, R), o qual representa&nbsp;as situações, os invariantes operatórios&nbsp;e as representações, respectivamente. A&nbsp;compreensão desses elementos, de acordo&nbsp;com a teoria de Vergnaud, é imprescindível&nbsp;para que o docente possa entender os processos&nbsp;cognitivos dos aprendizes e, consequentemente,&nbsp;intervir na aprendizagem.&nbsp;Quanto ao ensino do Cálculo Diferencial e&nbsp;Integral, é possível perceber que os invariantes&nbsp;operatórios têm importância singular na aprendizagem dos conceitos. Assim, o&nbsp;docente precisa propor aos discentes situações&nbsp;que elucidem de maneira correta e&nbsp;coerente os conceitos. De maneira geral, foi&nbsp;possível compreender a teoria dos Campos&nbsp;Conceituais e construir um embasamento&nbsp;que pode contribuir com a amenização das&nbsp;dificuldades na aprendizagem do Cálculo,&nbsp;além de possibilitar a continuidade dos estudos&nbsp;nesse viés.</p> Tailon Thiele, Eliane Miotto Kamphorst, Carmo Henrique Kamphorst ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8976 Seg, 17 Dez 2018 12:37:22 -0200 Matemática e Música: a história da relação e evolução de duas Ciências através dos tempos http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8977 <p>Apresenta-se neste artigo um histórico que&nbsp;evidencia a relação da matemática com a&nbsp;música e o seu desenvolvimento através&nbsp;dos tempos, com o objetivo de apresentar&nbsp;possíveis alternativas didáticas para se contextualizar&nbsp;os conceitos e conteúdos matemáticos&nbsp;em sala de aula. Esse material é&nbsp;resultado de uma pesquisa de iniciação&nbsp;científica, de um estudante do curso de Licenciatura&nbsp;em Matemática, juntamente com&nbsp;o Grupo de Estudos Curriculares de Educação&nbsp;Matemática (Gecem) do Programa&nbsp;de pós-Graduação em Ensino de Ciências&nbsp;e Matemática (PPGecim), da Universidade&nbsp;Luterana do Brasil, campus Canoas/RS.&nbsp;Desde as frações de pequenos números&nbsp;inteiros do tamanho de uma corda, dos&nbsp;pitagóricos, até os logaritmos musicais de<br>Sebastian Bach, a música e a matemática&nbsp;possuem profundas relações, as quais evoluíram&nbsp;em sincronia conforme os avanços&nbsp;da ciência e do entendimento acerca dos&nbsp;fenômenos do som. Expõe-se essas relações&nbsp;em uma cronologia temporal, além de&nbsp;apresentar reflexões sobre o ato de contextualizar&nbsp;os conteúdos e seus reflexos na&nbsp;aprendizagem dos conceitos matemáticos.</p> Lucas Teixeira da Silva, Claudia Lisete Oliveira Groenwald ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8977 Seg, 17 Dez 2018 12:38:40 -0200 A importância de uma plataforma digital como suporte para aplicação da metodologia de Aprendizagem Baseada em Problemas em sala de aula http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8978 <p>A forma de ensino tem sido alvo de pesquisas,&nbsp;buscando ser mais dinâmica e interativa&nbsp;com o aluno, em detrimento do modelo&nbsp;tradicional, no qual o professor transmite o&nbsp;conhecimento e os alunos comportam-se&nbsp;como meros ouvintes e memorizadores de&nbsp;informação. A Aprendizagem Baseada em&nbsp;Problemas (ABP), da tradução de Problem&nbsp;Based Learning (PBL), tem se tornado atrativa&nbsp;no meio acadêmico. A ABP é uma forma&nbsp;inovadora em que os alunos trabalham com&nbsp;a meta de solucionar um problema real ou&nbsp;simulado a partir de um contexto. Este artigo&nbsp;é constituído por uma revisão básica da&nbsp;literatura sobre Aprendizagem Baseada em<br>Problemas, desenvolvimento de uma plataforma&nbsp;digital que auxilie o professor na aplicação&nbsp;dessa metodologia em sala de aula&nbsp;e uma análise e discussão dos resultados.</p> Filipe Costa Batista Boy, Letícia Silva Garcia ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8978 Seg, 17 Dez 2018 00:00:00 -0200 Abordagens metodológicas de ensino na formação inicial de professores de Ciências e Biologia: um curso formativo sobre o enfoque histórico-filosófico da Ciência http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8979 <p>Diante das necessidades formativas dos&nbsp;professores de Ciências e Biologia apresentadas&nbsp;pela literatura da área de Ensino foi&nbsp;desenvolvida uma proposta de intervenção&nbsp;pedagógica, configurada como um curso&nbsp;formativo, para tratar das contribuições do&nbsp;emprego de diferentes abordagens metodológicas&nbsp;de ensino na prática docente.&nbsp;O curso foi desenvolvido e proposto para&nbsp;estudantes do 5º ano de um curso de Licenciatura&nbsp;em Ciências Biológicas de uma&nbsp;Universidade pública do Estado do Paraná.&nbsp;Tendo como exemplar conceitual o enfoque&nbsp;histórico-filosófico da Ciência para o ensino&nbsp;de Ciências e Biologia, o curso possibilitou&nbsp;a coleta de registros dos participantes que&nbsp;foram analisados segundo os encaminhamentos&nbsp;da Análise Textual Discursiva. Foi&nbsp;possível evidenciar que os cursistas enriqueceram&nbsp;suas noções sobre a importância&nbsp;do conhecimento e da aplicação de diferentes&nbsp;abordagens metodológicas de ensino,&nbsp;com ênfase nos cuidados, nas limitações,&nbsp;na pertinência e nas contribuições do enfoque&nbsp;histórico-filosófico. Esses resultados&nbsp;indicaram a necessidade de novas intervenções&nbsp;voltadas a aspectos didático-metodológicos&nbsp;da prática docente, no âmbito&nbsp;dos saberes pedagógicos da docência, que&nbsp;contribuam para uma melhoria do ensino&nbsp;de Ciências e Biologia, tendo como ponto&nbsp;de partida a formação inicial de professores&nbsp;dessas áreas disciplinares.</p> Caroline de Souza Carvalho, Fabiana Juliana Feliciano, Lucken Bueno Lucas ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8979 Seg, 17 Dez 2018 00:00:00 -0200 Pesquisas sobre o uso de TIC no componente curricular Geografia no Brasil http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8980 <p>O ensino de Geografia através das TIC tem&nbsp;amplo potencial e é provável que viva um&nbsp;momento de ascensão com o desenvolvimento&nbsp;de práticas pedagógicas para o&nbsp;ensino desta disciplina em diferentes segmentos&nbsp;do ensino. Visando analisar este&nbsp;cenário, este artigo apresenta uma Revisão&nbsp;Sistemática de Literatura (RSL) desenvolvida&nbsp;a partir da análise de duas revistas e dois&nbsp;congressos de informática na educação em&nbsp;um período de 10 anos (2008-2017). O foco&nbsp;na análise foi quantitativo, analisando quem&nbsp;está publicando, onde estão os principais&nbsp;focos de investigação e quais os segmentos&nbsp;que estão sendo priorizados nestas publicações,&nbsp;para que possamos observar áreas&nbsp;de carência destes estudos e possíveis pesquisas&nbsp;referentes ao tema.</p> Marina Feldens, Clevi Elena Rapkiewicz, Rute Vera Maria Favero ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8980 Seg, 17 Dez 2018 12:48:20 -0200 Utilização do recurso celular em sala de aula: realidades, aspectos e possibilidades http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8981 <p>O presente artigo tem como principal finalidade&nbsp;investigar a utilização do recurso celular em sala de aula. Para tal, realizamos&nbsp;um questionário que foi distribuído&nbsp;aos professores da rede pública, no qual&nbsp;foram abordadas questões relacionadas à&nbsp;opinião desses sobre o uso de aplicativos&nbsp;de celulares em sala de aula. Entrevistamos&nbsp;quatorze professores da rede pública&nbsp;municipal de Passo Fundo. Dessa forma,&nbsp;com a análise dos questionários, articulamos&nbsp;os dados coletados nesse instrumento&nbsp;de pesquisa. Nesse viés, de acordo com os&nbsp;dados da pesquisa, visualizamos que parte&nbsp;dos docentes tem boa aceitação no uso de&nbsp;recursos digitais em suas aulas. No entanto,&nbsp;a pesquisa apontou um problema com a&nbsp;estrutura física oferecida nas escolas para<br>essa prática. Também, parte dos sujeitos&nbsp;da pesquisa demonstrou resistência em desenvolver&nbsp;diferentes metodologias, atentando&nbsp;grande preocupação em vencer conteúdos&nbsp;propostos pelo currículo escolar. Nesse&nbsp;ínterim, entendemos que a pesquisa desencadeou&nbsp;a necessidade de continuar buscando&nbsp;respostas às questões sobre a utilização&nbsp;na sala de aula de tecnologias digitais como&nbsp;recurso no ensino e aprendizagem.</p> Lucas Vanini, Andressa Gomes Paula ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8981 Seg, 17 Dez 2018 12:46:24 -0200 Abordagem do conceito de função no ensino fundamental partindo da aproximação com o cotidiano http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8982 <p style="text-align: justify;">O presente estudo tem como objetivo apresentar&nbsp;uma proposta para abordar a introdução&nbsp;e a exploração de alguns conceitos presentes&nbsp;no estudo de funções, em especial as&nbsp;funções do primeiro grau e do segundo grau,&nbsp;no nono ano do ensino&nbsp; fundamental. O trabalho&nbsp;propõe uma sequência de atividades,&nbsp;em que se buscam a contextualização e o&nbsp;uso de ferramentas didáticas, para tornar a&nbsp;aprendizagem matemática mais significativa&nbsp;para o aluno. Como suporte teórico, adotou-se a teoria sociointeracionista, de Vigotski&nbsp;(1999), para estruturar e nortear a elaboração&nbsp;da proposta, bem como a sua implementação&nbsp;em sala de aula. A sequência didática&nbsp;foi estruturada em oito encontros, nos quais&nbsp;o conceito de funções foi abordado utilizando-se o software Tracker, entre outras ferramentas,&nbsp;e implementada em duas turmas de&nbsp;nono ano de uma escola pública do município&nbsp;de Passo Fundo, RS, Brasil.</p> Arieli dos Santos, Cleci Teresinha Werner da Rosa, Marivane de Oliveira Biazus ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8982 Seg, 17 Dez 2018 12:31:20 -0200 A utilização do jogo Angry Birds Space na aprendizagem de conceitos de lançamento de projéteis e de gravidade no ensino fundamental: uma proposta de unidade de ensino potencialmente significativa http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8983 <h4 style="text-align: justify;">O ensino de física no ensino fundamental&nbsp;tem estado praticamente esquecido em&nbsp;nosso país, tanto na pesquisa em ensino&nbsp;como na prática em sala de aula. Nossa&nbsp;estrutura curricular considera o ensino específico&nbsp;de física apenas a partir do ensino&nbsp;médio. Neste trabalho, mostramos como&nbsp;utilizar o jogo Angry Birds Space para uma&nbsp;aprendizagem significativa dos conceitos de&nbsp;lançamento de projéteis e de gravidade no&nbsp;ensino fundamental. O produto educacional&nbsp;explanado foi baseado em um subprojeto&nbsp;do Programa Institucional de Bolsas de&nbsp;Iniciação à Docência de Física da Universidade&nbsp;Luterana do Brasil e, com algumas&nbsp;modificações, foi montado na sequência&nbsp;didática de unidade de ensino potencialmente&nbsp;significativa. É possível utilizar essa&nbsp;sequência em um contexto educacional e&nbsp;abordar conceitos simples de física no ensino&nbsp;fundamental.</h4> Savana dos Anjos Freitas, Agostinho Serrano de Andrade Neto ##submission.copyrightStatement## http://seer.upf.br/index.php/rbecm/article/view/8983 Seg, 17 Dez 2018 00:00:00 -0200