Incapacidade funcional em idosos brasileiros: uma revisão sistemática e metanálise

Palavras-chave: Atividades da vida diária, Revisão sistemática, Metanálise, Idosos, Prevalência

Resumo

O objetivo do presente estudo foi estimar a prevalência de incapacidade funcional em idosos residentes da comunidade no Brasil. Foi conduzida uma revisão sistemática com metanálise a partir de estudos transversais ou linhas de base de estudos longitudinais com idosos brasileiros, residentes na comunidade. As medidas sumarizadas foram calculadas por modelos de efeitos aleatórios, sendo a heterogeneidade avaliada pelo teste do Qui-quadrado com p<0,10 e sua magnitude quantificada pelo I2. Foram analisadas 37 publicações que apresentaram a prevalência de incapacidade funcional para as atividades básicas (ABVDs), instrumentais (AIVDs) e avançadas (AAVDs) da vida diária. A partir da metanalise, foi verificada que a prevalência para as ABVDs foi de 19,0% (IC95%: 16,0–22,0; I2=99,1%) e para as AIVDs foi de 43,0% (IC95%: 36,0–50,0; I2=98,9%). As maiores prevalências de incapacidade para ABVDs foram verificadas a partir da utilização do Índice de Barthel e na região Nordeste e para AIVDS a partir da utilização da Escala de Lawton e Brody e também na região Nordeste. Foi verificada uma ampla variação nas prevalências de incapacidade funcional para as ABVDs e AIVDs e nos instrumentos utilizados. Torna-se necessário o desenvolvimento de novos estudos sobre a temática, com instrumentos validados e pontos de corte padronizados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cíntia Aparecida Garcia Meneguci, Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Fisioterapeuta. Doutora em Atenção à Saúde pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba/MG.
Joilson Meneguci, Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Educador físico. Doutor em Atenção à Saúde pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba/MG.
Sheilla Tribess, Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Educadora físico. Doutora em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília. Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba/MG.
Jeffer Eidi Sasaki, Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Educador físico. Doutor em Atividade Física e Saúde pela University of Massachusetts Amherst, Estados Unidos. Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba/MG.
Jair Sindra Virtuoso Júnior, Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Educador físico. Doutor em Ciências da Saúde pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Brasil. Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba/MG.
Publicado
2019-12-11
Como Citar
Meneguci, C., Meneguci, J., Tribess, S., Sasaki, J., & Júnior, J. (2019). Incapacidade funcional em idosos brasileiros: uma revisão sistemática e metanálise. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, 16(3). https://doi.org/10.5335/rbceh.v16i3.9856
Seção
Artigos Originais