IDOSOS DESCENDENTES DE UCRANIANOS DE UMA COMUNIDADE RURAL: SIGNIFICADOS CULTURAIS ATRIBUÍDOS À PANDEMIA DA COVID-19

  • Fátima Denise Padilha Baran
  • Márcia Marrocos Aristides Barbiero
  • Patrícia Rosa Gonçalves Leta
  • Susanne Elero Betiolli
  • Karina t Silveira de Almeida Hammerschmid
  • Maria Helena Lenardt
Palavras-chave: Coronavírus, Saúde do Idoso, Isolamento Social, Antropologia Cultural

Resumo

Introdução: a implementação de ações preventivas e de proteção foram preconizadas para reduzir o contágio Corona Vírus Disease-19 causado pelo vírus Severe Acute Respiratory Syndrome Coronavirus-2. Os idosos residentes em comunidades rurais demonstravam dificuldades em se adaptar às novas medidas. Objetivo: interpretar os significados culturais atribuídos à pandemia de idosos descendentes de ucranianos residentes em zona rural. Método: trata-se de pesquisa qualitativa descritiva sustentada pelos referenciais da antropologia cultural e conduzida pelo Consolidate criteria for reporting qualitative research. Participaram de entrevistas etnográficas nove idosos informantes chaves, por via Skype e chamadas de vídeo pelo whatsapp, no período de março a abril de 2020. As entrevistas foram analisadas segundo domínios culturais. Resultados: Emergiram três domínios: 1- “Providência divina que gerou mudanças” - os idosos atribuem à pandemia o desejo de Deus para gerar um aprendizado e mudança de vida; 2- “O cuidado que vem de Deus e do médico para consigo e com o outro”- eles revelam práticas cotidianas para evitar a contaminação, como fazer o que o médico diz, tomar coisas fortes como os antigos, acreditar em Deus, ficar longe das pessoas que não moram na mesma casa, não sair de casa e não receber visitas; e 3 - “Sentimentos desagradáveis que podem adoecer”- eles apontam como consequências sentimento de tristeza e solidão, dificuldades em aceitar as mudanças impostas, incerteza no futuro. Conclusão: os significados atribuídos à pandemia permearam a intensificação e preservação das crenças e práticas religiosas, e a proteção para a doença percorreu o saber médico e popular. 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-05
Como Citar
Denise Padilha Baran, F., Marrocos Aristides Barbiero, M., Rosa Gonçalves Leta, P., Elero Betiolli, S., Silveira de Almeida Hammerschmid, K. t, & Lenardt, M. (2020). IDOSOS DESCENDENTES DE UCRANIANOS DE UMA COMUNIDADE RURAL: SIGNIFICADOS CULTURAIS ATRIBUÍDOS À PANDEMIA DA COVID-19. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, 17(2). https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.12054