IDADE SUBJETIVA E IDADE CRONOLÓGICA, UM ESTUDO COMPARATIVO

  • Mariana de Medeiros Cardoso
  • Maira Rozenfeld Olchik
  • Adriane Ribeiro Teixeira
Palavras-chave: Idoso, Envelhecimento

Resumo

Introdução: A idade subjetiva é um dado importante para analisar a consciência das mudanças provocadas pelo envelhecimento. Objetivo: Comparar a idade cronológica com a subjetiva de idosos participantes de programa universitário. Métodos: Estudo retrospectivo e observacional. Os dados foram obtidos a partir de questionário preenchido no ato da matrícula de idosos em programa universitário para idosos. Os participantes foram questionados sobre sua idade subjetiva: “Que idade o senhor(a) sente que tem?”. O estudo foi aprovado por Comitê de Ética em Pesquisa (Parecer nº 4.081.496). Foram analisados os dados sobre idade subjetiva e idade cronológica, sendo as variáveis quantitativas descritas por média e desvio padrão com os testes t-student. Resultados: Foram analisados os dados de 395 idosos, sendo 359 (90.9%) mulheres. A idade cronológica variou entre 60 e 96 anos, com média de 71,5±6,8 anos. Já a média da idade subjetiva foi de 57,2±14,0 anos, havendo diferença significativa entre as mesmas (p<0,001). Quando analisados os dados por sexo, verificou-se que a diferença foi significativa para homens (73,9±7,3 anos de idade cronológica e 61,0±14,3 anos de idade subjetiva, p<0,001) e mulheres (71,2±6,7 anos de idade cronológica e 56,8±13,9 anos de idade subjetiva, p<0,001). Conclusão: Os dados evidenciaram que no grupo de idosos ativos avaliado, houve diferença entre a idade cronológica e a idade subjetiva, independente do sexo. Os dados são importantes para a definição de atividades a serem implementadas para o grupo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-03
Como Citar
Cardoso, M., Olchik, M., & Teixeira, A. (2020). IDADE SUBJETIVA E IDADE CRONOLÓGICA, UM ESTUDO COMPARATIVO. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, 17(2). https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.12008