INFLUÊNCIA DA INTENSIDADE DA DOR CRÔNICA NA QUALIDADE SUBJETIVA DO SONO DE IDOSOS DA COMUNIDADE

  • Beatriz Coppi Lavelli
  • Pedro Henrique Machado Guiesi
  • Yasmin Caroline Vilela da Silva
  • Pedro Grazziano
  • Julia Rachel de Albuquerque
  • Élen dos Santos Alves
  • Keika Inouye
  • Ariene Angelini dos Santos Orlandi
Palavras-chave: Idoso, Sono, Dor Crônica

Resumo

Introdução: As queixas relacionadas ao sono são comuns entre os idosos. Aspectos emocionais, ambientais, doenças crônicas e dor podem agravar os distúrbios do sono. Objetivo: Identificar associação entre intensidade da dor crônica e qualidade subjetiva do sono de idosos da comunidade. Métodos: A amostra foi composta por idosos cadastrados em cinco Unidades de Saúde da Família do município de São Carlos (SP) que apresentavam dor crônica. Para a coleta de dados, foram utilizados os seguintes instrumentos: Questionário de Caracterização, Componente 1 do Índice de Qualidade de Sono de Pittsburg e Escala de Intensidade Numérica da Dor do EMADOR. Os idosos foram divididos em dois grupos: (a) Grupo com boa/muito boa qualidade do sono e (b) Grupo com qualidade do sono ruim/muito ruim. Foram realizadas análises estatísticas descritivas e comparativas (Teste de Mann-Whitney). Resultados: Dos 92 idosos entrevistados, 57,6% eram do sexo feminino (n=53). A média das idades foi de 69,66 anos (Q2=69, DP=6,83), de escolaridade foi de 3,02 anos (Q2=3, DP=2,84) e da renda familiar foi de R$2.375 (Q2 =2.000, DP=1.230). A maior parte da amostra era casada (n=84, 91,3%). No grupo de idosos com boa/muito boa qualidade do sono (n=62), a média da intensidade da dor relatada foi de 7,03 pontos (Q2=7,0, DP=2,63) e, no grupo com qualidade do sono ruim/muito ruim (n=22), de 8,13 pontos (Q2=8,5, DP=2,24). As análises comparativas evidenciaram diferenças significativas entre os grupos (U=701,50; p=0,05). Conclusão: Conclui-se que existe associação entre intensidade da dor crônica e qualidade subjetiva do sono em idosos da comunidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-03
Como Citar
Lavelli, B., Guiesi, P. H., Silva, Y. C., Grazziano, P., Albuquerque, J., Alves, Élen, Inouye, K., & Orlandi, A. (2020). INFLUÊNCIA DA INTENSIDADE DA DOR CRÔNICA NA QUALIDADE SUBJETIVA DO SONO DE IDOSOS DA COMUNIDADE. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, 17(2). https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.11904
Seção
Artigos Originais