AÇÃO DAS VITAMINAS ANTIOXIDANTES A, C E E NO TRATAMENTO DO CÂNCER DE MAMA

  • Adriana Eckhardt Universidade Franciscana
  • Tereza Cristina Blasi Universidade Franciscana
  • Natielen Jacques Schuch Universidade Franciscana
Palavras-chave: x

Resumo

Introdução: O câncer de mama é um dos mais difundidos nas mídias por ser o tipo que mais afeta a população feminina. Vários são os fatores de risco para o aparecimento do câncer de mama, dentre eles o sedentarismo, dieta, obesidade e os fatores dietéticos. O estresse oxidativo está relacionado não somente à toxicidade do tratamento da doença, mas também à própria etiologia do câncer. Sendo assim, os antioxidantes podem auxiliar tanto na prevenção do câncer de mama quanto no seu tratamento. Objetivo: O presente artigo tem por objetivo revisar os principais estudos relacionados ao papel dos antioxidantes das vitaminas A C e E no tratamento do câncer de mama. Metodologia: revisão de literatura, com buscas de artigos científicos nas bases de dados ScienceDirect, PubMed, Web of Science e na biblioteca eletrônica SciELO, a fim de identificar os trabalhos publicados e disponíveis até março de 2019, utilizando os termos indexadores: antioxidantes AND vitamina A AND vitamina C AND vitamina E AND câncer de mama. Resultados: Vários estudos realizados com mulheres em tratamento quimioterápico demonstraram efeitos positivos com a suplementação e/ou ingestão dietética desses nutrientes, emergindo assim, sua ação anticarcinogênica e antioxidante. Sendo assim, é de grande importância a orientação adequada desses nutrientes, afim de minimizar os danos e os riscos de morte causados pela doença. Conclusão: Diante deste contexto, a quimioprevenção através dessas vitaminas emerge como um importante instrumento de prevenção e controle de câncer de mama, sugerindo mecanismos de ação anticarcinogênicos e antioxidantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-12-10
Como Citar
Eckhardt, A., Blasi, T., & Jacques Schuch, N. (2019). AÇÃO DAS VITAMINAS ANTIOXIDANTES A, C E E NO TRATAMENTO DO CÂNCER DE MAMA. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, 16(2), 18. https://doi.org/10.5335/rbceh.v16i2.10364