Determinação de vértices para correção automática de perspectiva

Fernando Reiszel Pereira, Denise Del Re Filippo

Resumo


O uso de projetores e quadros interativos está bastante difundido em todas as esferas de ensino, do básico ao superior. Observa-se que a ampla utilização destes recursos na educação, aliada ao uso fortemente disseminado de dispositivos móveis cada vez mais poderosos, vem induzindo no meio discente o registro de aulas e exposições por meio da captura das imagens projetadas em aula. A postura clássica de copiar a aula expositiva em um caderno vem sendo rapidamente substituída pelo registro fotográfico das aulas por dispositivos móveis e notebooks. Sem entrar no mérito dos aspectos didáticos deste procedimento, é fato que este tipo de registro está estabelecido no meio educacional. Por meio de entrevistas com alunos, verificou-se que havia um desejo por parte dos mesmos (principalmente por parte daqueles afastados do centro do quadro) de fotografar os quadros e telas apresentados em aula sem a distorção por perspectiva característica deste tipo de registro. Há vários programas comerciais que corrigem esta distorção, porém a maioria requer um ajuste manual para delimitar a região da imagem que será corrigida. Neste trabalho apresenta-se um novo método para determinar automaticamente a região de interesse da imagem de um quadro a ser corrigida que, aliado a uma sequência de procedimentos e algoritmos de processamento de imagens, possibilita a automação da correção de maneira mais eficiente e precisa. A realização destes algoritmos foi inteiramente realizada na linguagem Processing, o que possibilita seu uso gratuito em diversos sistemas operacionais existentes em dispositivos móveis.

Palavras-chave


Homografia. Perspectiva. Processamento de Imagem.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5335/rbca.v9i2.6105