Hermes: um modelo para acessibilidade ubíqua dedicado à deficiência auditiva

  • Carlos Felipe Rocha Carneiro IFRR
  • Jorge Luís Victória Barbosa UNISINOS
Palavras-chave: Acessibilidade Ubíqua, Computação Ubíqua, Deficiência Auditiva.

Resumo

Nota-se, atualmente, que o avanço da tecnologia e a crescente quantidade de dispositivos móveis vêm estimulando o uso desse tipo de tecnologia. Porém, esses dispositivos não estão prontos para atender pessoas com determinados tipos de deficiência, especificamente o deficiente auditivo. O presente trabalho tem por objetivo propor um modelo de suporte ao deficiente auditivo chamado Hermes. O Hermes no que diz respeito aos trabalhos relacionados é o único a apresentar sensibilidade ao contexto, pois nenhum dos modelos avaliados tem essa característica. Além disso, Hermes suporta o reconhecimento de som, a localização de recurso e, por fim, demonstra suporte a trilhas. A avaliação do modelo foi baseada em cenários, partindo de um recurso selecionado pelo usuário, mostrando que o aplicativo oferece suporte para acessibilidade. O Hermes foi avaliado por dez usuários, um deles deficiente auditivo. Os avaliadores aprovaram com 88% o aplicativo no quesito que buscou avaliar a facilidade percebida de uso, e com 90% o quesito de utilidade percebida.
Publicado
2016-11-08
Como Citar
[1]
Carneiro, C. e Barbosa, J. 2016. Hermes: um modelo para acessibilidade ubíqua dedicado à deficiência auditiva. Revista Brasileira de Computação Aplicada. 8, 3 (nov. 2016), 19-33. DOI:https://doi.org/10.5335/rbca.v8i3.5816.
Seção
Artigo Original
Share |