Aplicativo para análise comparativa do comportamento de algoritmos de ordenação

  • João Paulo Folador Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Instituto Federal do triângulo Mineiro
  • Lázaro Nogueira Pena Neto
  • David Calhau Jorge
Palavras-chave: Algoritmo de ordenação, complexidade de algoritmos, educação

Resumo

Este artigo apresenta uma ferramenta prática de auxílio pedagógico para demonstrar o comportamento de alguns algoritmos de ordenação. Nesse contexto, foram estudados e confrontados os algoritmos: bubble sort, merge sort, quick sort e o shell sort, de modo a ordenar uma matriz de elementos variáveis. Na aplicação desenvolvida é permitido ao usuário configurar a quantidade de elementos da matriz a serem ordenados, quais métodos serão utilizados, a quantidade de ciclos somados e, o resultado final, é mostrado por meio de um gráfico, comparando os métodos aplicados. Ainda, como saída do processo de ordenação, são mostrados: o tempo médio de execução, o desvio padrão, o tempo mínimo e o tempo máximo gasto para ordenar os elementos da matriz. Desse modo, essa aplicação de apoio didático torna-se prática para testes feitos pelos alunos nas disciplinas que envolvem o estudo de algoritmos de ordenação facilitando, assim, o processo de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Paulo Folador, Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Instituto Federal do triângulo Mineiro
Engenharia de Computação, área de TI em geral e relacionada com saúde.
Publicado
2014-10-22
Como Citar
[1]
Folador, J., Pena Neto, L. e Jorge, D. 2014. Aplicativo para análise comparativa do comportamento de algoritmos de ordenação. Revista Brasileira de Computação Aplicada. 6, 2 (out. 2014), 76-86. DOI:https://doi.org/10.5335/rbca.2014.3792.
Seção
Artigo Original
Share |